sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

ADVENTISTAS DO SÉTIMO DIA NÃO CRÍAM NA TRINDADE ATÉ 1897!

Todos sabemos que a Igreja Adventista do Sétimo Dia se considera a Igreja remanescente. Então, eles estariam com a verdade, pois Deus, desde o movimento Millerita, de 1820 em diante, e mais especificamente desde que Éllen Gould White (EGW) iniciou seus revelamentos proféticos, esta igreja teria sido usada por Deus para restabelecer a verdade anteriormente deturpada pela grande apostasia. Creem, portanto, que verdades como a guarda do Sábado, deveriam ser ensinadas e praticadas.Mas será que os fatos provam que o Espírito Santo de Deus considerava a IASD como a Igreja Remanescente?

Como cristãos convertidos, o Espírito Santo age em nossa vida para nos ensinar verdades. (João 16:13, 14) Então, crer em verdades bíblicas é o resultado da ação do Espírito Santo em nosso viver, em nossa doutrina cristã. Por isso, cremos que desde que Jesus ressuscitou, ascendeu aos céus e nos enviou seu Espírito Santo, a Igreja recebeu doutrinas e as portas do inferno não resistiram a essa Igreja, pois por maior que fosse a apostasia depois dos anos 100, sempre a Igreja foi coluna e amparo da verdade. (1 Timóteo 3:15) Por isso mesmo, logo cedo na história do Cristianismo, assim que o Cânon bíblico foi reconhecido pela Igreja, a verdade da Doutrina da Trindade Santa, claramente ensinada nas Escrituras, tornou-se o pilar da doutrina cristã.

Mas as seitas atuais surgiram bem depois da Igreja Cristã. E como pregam ser a verdade única, com títulos como "a única igreja remanescente", seria de esperar que logo cedo ensinassem a verdade da Trindade, se realmente fossem a única religião verdadeira. Ora, a doutrina central do Cristianismo e pilar de todas as outras, até mesmo em relação à Salvação, deveria ser a primeira a ser reconhecida pelos líderes dessas seitas que se consideram a única religião correta. Seria um absurdo que depois de supostos tantos séculos de apostasia e enfim o também suposto ressurgimento da verdadeira adoração, que o ensino mais importante das Escrituras demorasse 75 anos, de 1820 até 1897, para ser reconhecido definitivamente, e diga-se de passagem, depois de a Trindade ter sido fundamentada e reconehcida definitivamente em 325 d. C. 

Então, perguntamos aos adventistas do sétimo dia, sim a vocês que nos chamam de irmãos antes mesmo de aceitarmos ser membros da suposta única igreja remanescente: Como vocês conseguem acreditar que Deus usou os pioneiros de sua igreja para restaurarem a verdade da Bíblia, se muitos deles morreram sem acreditar na Trindade? Como imaginar que Deus teria revelado informações a EGW tão inspiradas quanto à Bíblia, e não revelou a natureza Triúna de Deus senão definitivamente em 1897? Como que a igreja que já era a única remanescente teria revelado as verdades ao mundo e não entendido nos primeiros 75 anos a mais importante das doutrinas bíblicas?

Já sei! "De onde você tirou essas informações?" Da mais importante revista de vocês - a Revista Adventista. Veja:

A Revista Adventista de Agosto de 2011, página 10.

Esta declaração comprova que EGW reconheceu o Espírito Santo como a "Terceira Pessoa da Trindade" após uma mensagem em 1896. O Espírito de Profecia da IASD não reconhecia definitivamente isso até essa data! Como poderia ser isso, principalmente porque já tínhamos a Bíblia completa há quase 1800 anos? Observe agora a confissão final de que o Espírito Santo de Deus não teria convencido EGW e outros pioneiros de quem Ele mesmo era, o que tornaria a Igreja Remanescente um mito mentiroso:

Revista Adventista de agosto de 2011, página 11.

Quanta desonestidade! Puseram a culpa em nossos credos (coisa de menino sapeca que quebra a janela e põe a culpa no outro) com seus supostos erros. Mas a questão não é essa! A questão é: Por que o Espírito Santo teria demorado de 1820 até 1897 para convencer a suposta Igreja Remanescente (IASD) de uma verdade tão fundamental como essa? Na verdade, a IASD que apostatou, e que bom que depois disso reconheceram o erro. Todavia, um erro desses jamais poderia, depois de 1800 anos de Cânon bíblico pronto, deixar de ser revelado logo de início ao Espírito de Profecia, EGW, a qual revelava "coisas" tão inspiradas quanto à Bíblia. Quanta incoerência!

No final da matéria, a desculpa esfarrapada é de uma criatividade que nenhuma outra seita jamais ousou a inventar. Preste atenção que essa explicação é exclusiva da IASD!

Revista Adventista de Agosto de 2011, página 11.

Que eu saiba, a luz que brilha mais e mais não são as interpretações da IASD. Nos dias da Escrita de Provérbios 4:18, Salomão nem sonhava com Enoque receber a visita da Intergaláctica EGW, com suas asas que lhe nasceram nas costas, conforme ela mesmo narra ter ocorrido com ela. E o Espírito da Verdade aqui é o Espírito Santo, que veio no Pentecostes, cinquenta dias depois da ressurreição de Jesus. Desde então, Ele guiou seu povo a toda a verdade, mas quanto à verdade o Pai, o FIlho e o Espírito Santo, os cristãos já começaram a reconher isso apenas uns 1800 anos antes, através das Escrituras Sagradas.

Portanto, que fiquemos bem atentos às tentativas da IASD de mascarar os fatos comprobatórios de que eles sim apostaram desde os seus primórdios. Embora ensinem a Trindade, o Jesus deles não é o mesmo que o nosso. Muito menos o Pai. Os nossos Pai e Filho são oniscientes, sabem de tudo, mas o "pai" e o "filho" deles estão desde 1844 realizando no céu uma investigação importantíssima - O Juízo Investigativo - lendo nos arquivos celestiais sobre as obras dos justos. Será que eles vão terminar logo a leitura deles? - Fernando Galli

4 comentários:

CHRBIO disse...

Nosso Deus é completo.

chsimportados.loja2.com.br

Nuno disse...

Peregrino:

Se você fizer destas palavras as suas eu tenho de comentar o seguinte: quanto ódio você tem pelos adventistas do 7º dia! O seu Jesus não ensinou o amor?
Em vem de passar a vida a criticar procure se cultivar em saber o que é a "verdade presente". Leia o livro do Pr. Knight.
Um abraço

O Peregrino disse...

Nuno, eu não tenho ódio dos adventistas, mas abomino certos ensinos da IASD, O Juízo Investigativo é um deles, a fato é que como relata o texto, antes não praticava a trindade e hoje se pratica, como uma Igreja que se diz a "voz da verdade" única e exclusiva escolhida por Deus e que fora dela não há salvação pode haver mudança em tal doutrina? Entenda uma coisa, a IASD é uma seita e isso é fato, veja as características de uma seita e compare com a IASD, me dizer que EGW não tem voz ativa dentro dela assim como o Papa na ICR é uma desculpa esfarrapada. Lembre-se, Jesus sempre foi a verdade, em Deus não há sombra de variações, no tocante a doutrina da trindade, imagine se você vivesse naquela época da mudança, qual seria sua reação em saber que a IASD se diz a dona da "verdade" e faz uma mudança de tão importância? Foi novas luzes como diz a Sociedade Torre de Vigia? Um abraço.

O Peregrino disse...

Nuno, de uma coisa é certa, a IASD não é a dona da verdade, ela não é a igreja remanescente coisa alguma, você pode até amar essa denominação, mas não pode concordar que esta seja intitulada a igreja que Deus "escolheu" para levar o verdadeiro evangelho. Isso é um absurdo da parte da IASD e de alguns de seus adeptos.