sexta-feira, 9 de setembro de 2011

W. M. Branham profetizou ou não sobre 1977?


Já faz algum tempo que um apologista de WMB tem demonstrado aqui no blog, em comentários, que a acusação feita pela maioria dos críticos de WMB está equivocada, pois WMB não profetizou sobre 1977. Ele na verdade emitiu uma opinião que, em vistas dos acontecimentos mundiais, sendo cumprimento de várias visões que ele recebeu de Deus, o fim de todas as coisas poderia dar por volta de, ou até 1977.

Segundo o apologista de WMB, ele próprio advertia as pessoas que ele não estava dizendo que seria assim. Em meio a essas colocações Branham dizia da possibilidade de estar enganado, dizendo sempre que não estava ‘profetizando’.

Observei detidamente as citações por ele indicada e acredito que algumas coisas precisam ser ditas sobre esse assunto. 

1) De fato WMB interpretou uma (suposta) visão e não estava dizendo categoricamente que a visão dizia que o fim se daria em 1977.

2) O erro de WMB estava em dizer algo que contrariava Mt 24.36 e At 1.7. Ao indicar uma data seu erro foi desobedecer a um principio bíblico.

3) Visto WMB não citou uma passagem bíblica que seria base de sua interpretação, ele não estaria também predizendo com base na Palavra de Deus. Neste caso ele não pode ser acusado de emitir uma falsa profecia. 

4) O erro de WMB estava em ‘se esquecer’ (ou abusar?) que suas observações eram recebidas pelos seus seguidores de forma submissa. Mesmo as que não vinham acompanhadas com o frenesi das suas inspirações. 

5) Ele disse mais coisas sobre 1977 que não é do conhecimento da maioria, mas para tristeza de seus seguidores é o livro As Setes Eras da Igreja e/ou o livreto A Era de Laodicéia que tem dado combustível para essa celeuma toda em torno de 1977, ou mesmo, tem dado a impressão que isso realmente foi assim.

6) Não podemos também nos esquecer do fato que ao predizer sobre 1977, WMB invocou sua autoridade. Isso está bem claro nas palavras: ‘Como um servo de Deus cujas visões se cumpriram...’ ‘juntamente com a inspiração divina...’ ‘sustentando isso por mais de trinta...’ ‘baseado nas visões que recebi em 1933... P R E D I G O !’ 

Irei transcrever os parágrafos do subtítulo ‘A Era de Laodicéia’, do livro As Sete Eras da Igreja para provar o que coloquei no ponto 6. Ficará longo, mas isso provará que a culpa de acusação de ‘falsa profecia' foi do próprio WMB. E visto que esse livro, bem como o livreto A Era de Laodicéia são os livros mais conhecidos de Branham (ele seria o mensageiro dessa era!) não poderia acontecer outra coisa! E farei algumas observações em [ ].

“A Era de Laodicéia começou por volta da passagem do século vinte, talvez 1906. Quanto tempo durará? Como um servo de Deus que tem tido um grande número de visões, das quais NENHUMA [ênfase dele] jamais falhou, deixe-me predizer (eu não disse profetizar, mas predizer) que esta era terminará por volta de 1977. Se você me perdoar uma nota pessoal aqui, eu baseio esta predição em sete visões maiores e contínuas que vieram a mim numa manhã de domingo em junho de 1933. O Senhor Jesus falou-me e disse que a vinda do Senhor estava aproximando, porém antes que Ele viesse, sete eventos maiores tornariam conhecidos. Eu os anotei todos naquela manhã eu divulguei a revelação do Senhor. A primeira visão foi que Mussulini invadiria a Etiópia e aquela nação “cairia aos seus passos.” Essa visão certamente provocou algumas reações, e alguns ficaram irritados quando eu contei e não acreditavam. Porém isso aconteceu assim. Ele simplesmente entrou lá com suas armas modernas e assumiu o comando. Os nativos não tiveram chance. Porém a visão também disse que Mussolini chegaria a um fim horrível com seus próprio povo virando-se contra ele. Isso aconteceu exatamente como fora dito. A visão seguinte predisse que um austríaco chamado Adolfo Hitler se levantaria como ditador sobre a Alemanha, e que ele envolveria o mundo numa guerra. Ela mostrou a linha Siegfried e como nossas tropas teriam grande dificuldade para vencê-la. Depois mostrou que Hitler chegaria a um fim misterioso. A terceira visão foi na esfera da política mundial porque mostrou-me que haveria três grandes ISMOS: Facismo, Nazismo, Comunismo, mas que os dois primeiros seriam absorvidos pelo terceiro. A voz advertiu: “OBSERVE A RÚSSIA, OBSERVE A RÚSSIA. Mantenha seus olhos no Rei do Norte.” [engraçado que visão aqui não diz nada de concreto da Rússia...] A quarta visão mostrou os grandes avanços na ciência que viriam após a segunda guerra mundial. Era encabeçada pela visão um carro que tinha na parte de cima, uma bolha plástica que estava percorrendo belas rodovias sob controle remoto de modo que as pessoas pareciam sentadas neste carro sem volante e estavam jogando certo tipo de jogo para se entreterem. A quinta visão tinha a ver com o problema moral de nossa era, concentrando-se principalmente em torno das mulheres. Deus me mostrou que as mulheres começaram a ficar fora de seu lugar com concessão do direito de voto[parece que ele é contra a mulher votar.]. Depois elas cortarem seu cabelo, o que significava que elas não estavam mais sob autoridade do homem mas insistiam em direitos iguais, ou na maioria dos casos, mais do que direitos iguais. Ela adotou vestimenta de homens e entrou num estado de despimento, até que o último quadro que vi era de uma mulher nua exceto por um pequeno avental do tipo de folha de figueira. Com esta visão eu vi a terrível perversão e a condição moral do mundo inteiro. Então na sexta visão levantou-se na América a mais bela, e no entanto mais cruel mulher. Ela mantinha o povo sob seu completo domínio. Eu acreditei que isto fosse a ascenção da Igreja Católica Romana, embora soubesse que poderia ser possivelmente uma visão de alguma mulher levantando-se com grande poder na América devido a uma votação popular das mulheres [WMB aqui parece tentar interpretar sua visão de maneira ‘aberta’, para ter várias possibilidades]. Na sétima e última visão eu ouvi explosão terribilíssima. Quando volte-me olhar vi apenas ruínas, crateras, e fumaça por toda a terra da América [será que os seguidores de WMB pensariam hoje em 11 de setembro?]. Baseado nestas sete visões, juntamente com as rápidas mudanças que têm se alastrado pelo mundo nos últimos cinqüenta anos, eu PREDIGO (não profetizo) que todas estas visões terão acontecido até 1977. Embora muitos possam achar que esta é uma declaração irresponsável [ela sabia que estava gerando isso] em vista do fato de que Jesus disse que ‘ninguém sabe o dia e nem a hora’, eu ainda mantenho esta predição após trinta anos porque Jesus NÃO disse que ninguém poderia saber o ano, mês ou semana em que a Sua vinda se completaria. Portanto repito, eu sinceramente creio e sustento como um estudante particular da Palavra, juntamente com a inspiração divina, que 1977 deve terminar os sistemas mundiais e introduzir o milênio. Agora deixe-me dizer isto. Pode alguém provar ser errada qualquer uma dessas visões? Não foram cumpridas? Sim, cada uma tem-se cumprido, ou está em processo agora.”

 WMB além de dizer algumas coisas evidentes nessas visões, eu não sei se teria como provar que ele disse o nome de Mussolini antes de esse surgir. Não nos impressiona o fato do nome de Hitler aparecer (se é que também pode ser provado) em 1933. Hitler já havia dados ares da sua existência maligna na Alemanha antes de 1930. O tal carro bolha de plástico a controle remoto pelo jeito não vingou na época dele, e nem agora. Sobre a Rússia não foi dito nada com coisa nenhuma. Qualquer coisa que acontecesse com a Rússia poderia ser o cumprimento dessa visão. 

E sobre 1977 parece que ele indicou um terremoto em 1964. Mas ele não foi taxativo.

Mas de qualquer maneira, WMB invocou-as para corroborar sua interpretação sobre 1977. Isso a meu ver sobrecarrega a problemática. Visto que em alguns momentos suas visões estavam mescladas com suas interpretações, a impressão de falsa profecia não estaria distorcendo o que ele disse, mas poderia estar interpretando o que ele disse!

Conclusão:

Farei uma revisão das postagens para certificar-me que elas estejam fieis aos fatos. WMB continua sendo um falso profeta, pois negou a doutrina da Trindade, e embora continue pensando sobre 1977 como uma marca de seus erros interpretativos não poderei sustentar que ele tenha profetizado que o fim viria em 1977, visto que ele afirmou isso não com base em suas alucinações, nem com base em um texto bíblico.

Mas podemos dizer que ele interpretou, suas visões como dizendo que o fim viria em 1977, baseado em sua autoridade profética. Nesse ponto, nosso pressuposto poderá massacrá-lo, ou desculpá-lo.

Acredito que eu esteja sendo fiel aos fatos.

Fonte: MCA

1 comentários:

Guilherme disse...

Muito bom o blog! vou acompanhar sempre, peço que visite o meu blog também!

http://plusong.blogspot.com