terça-feira, 26 de janeiro de 2016

Por que declaram que o Adventismo é heresia?


OS ADVENTISTAS DO SÉTIMO DIA Creem que a Bíblia e os escritos de Ellen G. White são inspirados por Deus. Ambas são luz e verdade inspiradas por Deus. Ver item 01 e 19 das crenças fundamentais da IASD. Manual da Igreja, págs. 32 e 37.

OS ADVENTISTAS DO SÉTIMO DIA creem que surgiram no tempo do fim, porque assim estava profetizado. Vieram restaurar a Igreja, pois o Cristianismo havia se corrompido totalmente. Creem serem a única Igreja verdadeira neste mundo e que as demais foram rejeitadas por Deus após o ano de 1.844. VEDE – O Grande Conflito, págs. 453,454 e 609 a 617. História de Nossa Igreja, págs. 99 a 103.

OS ADVENTISTAS DO SÉTIMO DIA. Ensinam que a verdadeira Igreja tem que possuir o espírito de profecia que segundo eles são os livros escritos pela Sra. Ellen G. White.  “O espírito de profecia é o que, segundo as Escrituras, a par com a guarda dos mandamentos de Deus, seria o característico da igreja remanescente. Compare-se Ap 12.17 e 19.10, última parte. Este dom consiste precisamente em dar ao Povo de Deus mensagens diretas e específicas, traçando-lhe normas e diretrizes, dando-lhe orientação e instruções especiais… Os testemunhos orais ou escritos da Sra. White preenchem plenamente este requisito, no fundo e na forma. Tudo quanto disse e escreve foi puro, elevado, cientificamente correto e profeticamente exato”. (AB Christianini; Subtilezas Do Erro; Ed. Casa Publicadora; Sto André, SP; 1.ª Ed.; 1965, pág. 35).

A própria Sra. White afirma o seguinte sobre seus escritos: “Ai de quem mover um bloco ou mexer num alfinete dessas mensagens. A verdadeira compreensão dessas mensagens é de vital importância. Os destinos das almas dependem da maneira em que são elas recebidas” (EG White, Primeiros Escritos, Editora Casa Publicadora, Tatuí – SP; 1995 – pág. 258, 259).

O periódico da Igreja, A Revista Adventista, declara sem nenhum peso de consciência: “Negamos que a qualidade ou grau de inspiração dos escritos de Ellen White sejam diferentes dos encontrados nas Escrituras Sagradas”.( Revista Adventista, fevereiro de 1984; Ed. Casa Publicadora; Tatuí – SP. – pág. 37).

OS ADVENTISTAS DO SÉTIMO DIA. Ensinam que a obra redentora de Jesus Cristo na cruz foi INCOMPLETA, vindo a completar-se somente no ano de 1.844 – Grande Conflito págs. 420, 421.

OS ADVENTISTAS DO SÉTIMO DIA. Ensinam que Jesus Cristo não fez expiação na cruz pelos nossos pecados – Em Definição da Doutrina pág. 12.

OS ADVENTISTAS DO SÉTIMO DIA. Ensinam que Jesus após a sua ressurreição estava INSEGURO, pois ele não tinha a certeza de que seu sacrifício havia sido perfeito. Vida de Jesus Pág. 204.

OS ADVENTISTAS DO SÉTIMO DIA. Ensinam que Deus disse a profetiza Ellen G. White o dia e a hora da vinda de Jesus. Vida e Ensinos pág. 58.

OS ADVENTISTAS DO SÉTIMO DIA. Ensinam que os 144.000 citados em Apocalipse 7:4 são eles. Vida e Ensinos Pág. 58 e 59. Vale a pena lembrar, que os Adventistas em todo o mundo já são bem mais que 144.000. Vai se perder muita Gente no meio Adventista.

OS ADVENTISTAS DO SÉTIMO DIA. Ensinam que a verdade havia caído por terra, e no ano de 1.844, nos Estados Unidos da América, Deus chamou um povo para RESTAURAR A VERDADE, Sendo estes os fundadores da organização Adventista. Grande Conflito. Págs.453, 454, 609 a 617.

OS ADVENTISTAS DO SÉTIMO DIA. Ensinam que Deus OCULTOU um erro no computo dos períodos proféticos. Grande Conflito. Pág.373. Na realidade esta desculpa esfarrapada é só para justificar a falsa marcação da data da volta de Jesus em 22-10-1.844, e a remarcação para o próximo ano em 1.845, pelos fundadores desta organização. Fundadores da Mensagem. Pág. 125.

OS ADVENTISTAS DO SÉTIMO DIA, tentam afirmar que o véu que se rasgou de auto abaixo é o primeiro véu, ou seja o véu de entrada do tabernáculo. Isto chama-se uma grande heresia. Infelizmente eles não podem confessar que o véu que se rasgou é o segundo véu, o que separava o Santo do Santíssimo, pois confessar esta verdade, significa para eles lançar por terra toda a doutrina no tocante ao JUIZO INVESTIGATIVO, ensinados somente pelos donos da verdade os adventistas do sétimo dia.

OS ADVENTISTAS DO SÉTIMO DIA, afirmam que o Bode emissário de Levíticos 16:5-10 é satanás e que faria expiação pelos seus pecados e dos outros. Este absurdo doutrinário é o mesmo que dizer que satanás se arrependerá de seus pecados e uma vez feito a expiação, também vai se salvar, contrariando assim as escrituras que afirma, que satanás será lançado no lago de fogo juntamente com os homens ímpios. De todas as heresias ensinadas pelos adventistas, esta me parece ser a mais absurda, pois concede a satanás uma promoção de ajudante de Cristo na tarefa de salvação. Cristo sozinho não foi capaz de fazer uma obra completa da redenção dos pecadores. Satanás passa a ser co-participante de Cristo na obra de expiação dos pecados. Estudos Bíblicos para o Lar, primeira edição em 1966.

OS ADVENTISTAS DO SÉTIMO DIA, afirmam “… Em sua humanidade, Cristo participou de nossa natureza pecaminosa, caída. De sua parte humana, Cristo herdou exatamente o que herda todo o filho de Adão — uma natureza pecaminosa” (Estudos Bíblicos, 28 Edição – pág. 140 e 141).

Apostila “O Adventismo do Sétimo Dia” do CACP.

0 comentários: