sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Guardam realmente o Sábado, os adventistas ?

O grande problema com que se deparam os ASD, quando pretendem guardar a lei de Deus, é que a lei não implica só em guardar os dez mandamentos. A lei é um todo e abrange os cinco livros de Moisés ou o Pentateuco com 613 mandamentos, como lemos em Gl 3.10, “Todos aqueles, pois que são das obras da lei estão debaixo da maldição; porque escrito está: Maldito todo aquele que não permanecer em todas as coisas que estão escritas no livro da lei, para fazê-las”.O texto em apreço não afirma que é maldito quem não guardar os dez mandamentos, mas que é maldito quem não guardar tudo o que está escrito no livro da lei. Isso se tornou uma impossibilidade, e "é evidente que, pela lei, ninguém é justificado diante de Deus..." (Gl 3.11). Dada a impossibilidade de se guardar todos os 613 mandamentos, a Bíblia declara que a lei nos serviu de aio para nos conduzir a Cristo e que depois que a fé veio já não estamos mais debaixo do aio (ou da lei). Mas, antes que viesse a fé, estávamos sob a tutela da lei e nela encerrados, para essa fé que, de futuro, haveria de revelar-se. De maneira que a lei nos serviu de aio para nos conduzir a Cristo, a fim de que fôssemos justificados pela fé. Mas, tendo vindo à fé, já não permanecemos subordinados ao aio.”(Gl 3.23-25).
Repetimos: dada essa impossibilidade de guardarem os 613 mandamentos, contidos no Pentateuco (os cinco livros da Lei), dividiram os ASD a lei de Deus em duas leis: Lei Moral e Lei Cerimonial. Ensinam que uma parte da lei foi abolida na cruz – a Lei Cerimonial. Mas, a outra parte da Lei, a Lei Moral, restrita aos dez mandamentos, essa está em vigor.

ATIVIDADES PROIBIDAS

Os israelitas, com a máxima rigidez, observavam, sob a ordem divina, a interrupção de todas as atividades:

DEVIAM:

a) trabalhar seis dias (e não 5):
(ÊX 35:2) "Seis dias se trabalhará, mas o sétimo dia vos será santo, o sábado do repouso ao SENHOR; todo aquele que nele fizer qualquer trabalho morrerá."

NÃO DEVIAM

b) acender qualquer tipo de fogo em casa:
(ÊX 35:3) "Não acendereis fogo em nenhuma das vossas moradas no dia do sábado."

c) fazer qualquer tipo de trabalho:
(ÊX 20:10) "Mas o sétimo dia é o sábado do SENHOR teu Deus; não farás nenhuma obra, nem tu, nem teu filho, nem tua filha, nem o teu servo, nem a tua serva, nem o teu animal, nem o teu estrangeiro, que está dentro das tuas portas.
d) fazer qualquer transação comercial:
(AM 8:5) "Dizendo: Quando passará a lua nova, para vendermos o grão, e o sábado, para abrirmos os celeiros de trigo, diminuindo o efa, e aumentando o siclo, e procedendo dolosamente com balanças enganosas,"

e) fazer viagens e tratar de negócios:
NE 10:31) "E que, trazendo os povos da terra no dia de sábado qualquer mercadoria, e qualquer grão para venderem, nada compraríamos deles no sábado, nem no dia santificado; e no sétimo ano deixaríamos descansar a terra, e perdoaríamos toda e qualquer cobrança."
(NE 13:15) "Naqueles dias vi em Judá os que pisavam lagares ao sábado e traziam feixes que carregavam sobre os jumentos; como também vinho, uvas e figos, e toda a espécie de cargas, que traziam a Jerusalém no dia de sábado; e protestei contra eles no dia em que vendiam mantimentos."
(NE 13:16) "Também habitavam em Jerusalém tírios que traziam peixe e toda a mercadoria, que vendiam no sábado aos filhos de Judá, e em Jerusalém."

f) carregar peso:
(JR 17:21) "Assim diz o SENHOR: Guardai as vossas almas, e não tragais cargas no dia de sábado, nem as introduzais pelas portas de Jerusalém;"

g) o transporte de qualquer objeto de casa, ou introduzi-los em Jerusalém:
(JR 17:22) "Nem tireis cargas de vossas casas no dia de sábado, nem façais obra alguma; antes santificai o dia de sábado, como eu ordenei a vossos pais."
(JR 17:27) "Mas, se não me ouvirdes, para santificardes o dia de sábado, e para não trazerdes carga alguma, quando entrardes pelas portas de Jerusalém no dia de sábado, então acenderei fogo nas suas portas, o qual consumirá os palácios de Jerusalém, e não se apagará."

h) fazer semeadura e a colheita de frutos e cereais:
(ÊX 34:21) "Seis dias trabalharás, mas ao sétimo dia descansarás: na aradura e na sega descansarás."

i)recolher lenha:
(NM 15:32) "Estando, pois, os filhos de Israel no deserto, acharam um homem apanhando lenha no dia de sábado."
(NM 15:33) "E os que o acharam apanhando lenha o trouxeram a Moisés e a Arão, e a toda a congregação."
(NM 15:34) "E o puseram em guarda; porquanto ainda não estava declarado o que se lhe devia fazer."
(NM 15:35) "Disse, pois, o SENHOR a Moisés: Certamente morrerá aquele homem; toda a congregação o apedrejará fora do arraial."
(NM 15:36) "Então toda a congregação o tirou para fora do arraial, e o apedrejaram, e morreu, como o SENHOR ordenara a Moisés."

j) cozer alimentos:
(ÊX 16:23) "E ele disse-lhes: Isto é o que o SENHOR tem dito: Amanhã é repouso, o santo sábado do SENHOR; o que quiserdes cozer no forno, cozei-o, e o que quiserdes cozer em água, cozei-o em água; e tudo o que sobejar, guardai para vós até amanhã."

k) não podiam sair de casa:
(ÊX 16:29) "Vede, porquanto o SENHOR vos deu o sábado, portanto ele no sexto dia vos dá pão para dois dias; cada um fique no seu lugar, ninguém saia do seu lugar no sétimo dia."

Nos tempos de Jesus os judeus se mantinham rígidos na execução do preceito sabático, como se depreende de algumas passagens do Novo Testamento:

a) não podiam andar mais de um quilômetro:
(AT 1:12) "Então voltaram para Jerusalém, do monte chamado das Oliveiras, o qual está perto de Jerusalém, à distância do caminho de um sábado."
b) não podiam colher espigas:
(MT 12:2) "E os fariseus, vendo isto, disseram-lhe: Eis que os teus discípulos fazem o que não é lícito fazer num sábado."

c) não podiam transportar camas:
(JO 5:10) "Então os judeus disseram àquele que tinha sido curado: É sábado, não te é lícito levar o leito."

d) não podiam curar enfermos:
( LC 13:14) "E, tomando a palavra o príncipe da sinagoga, indignado porque Jesus curava no sábado, disse à multidão: Seis dias há em que é mister trabalhar; nestes, pois, vinde para serdes curados, e não no dia de sábado."

Os supostos guardadores do sábado não desconhecem que o sábado começa ao pôr do sol e termina ao pôr do sol.
(LV 23:32) "Sábado de descanso vos será; então afligireis as vossas almas; aos nove do mês à tarde, de uma tarde a outra tarde, celebrareis o vosso sábado."
Quando pois, o sol se põe na tardo do sexto dia da semana, indica o começo do sábado.

CASTIGO AO INFRATOR

A infração do preceito impunha-se a pena capital:
(ÊX 31:14) "Portanto guardareis o sábado, porque santo é para vós; aquele que o profanar certamente morrerá; porque qualquer que nele fizer alguma obra, aquela alma será eliminada do meio do seu povo."
(ÊX 35:2) "Seis dias se trabalhará, mas o sétimo dia vos será santo, o sábado do repouso ao SENHOR; todo aquele que nele fizer qualquer trabalho morrerá."
E nas Escrituras encontramos a execução do castigo extremo a um transgressor.

EXEMPLO DE CASTIGO APLICADO

(NM 15:32) "Estando, pois, os filhos de Israel no deserto, acharam um homem apanhando lenha no dia de sábado."
(NM 15:33) "E os que o acharam apanhando lenha o trouxeram a Moisés e a Arão, e a toda a congregação."
(NM 15:34) "E o puseram em guarda; porquanto ainda não estava declarado o que se lhe devia fazer."
(NM 15:35) "Disse, pois, o SENHOR a Moisés: Certamente morrerá aquele homem; toda a congregação o apedrejará fora do arraial."
(NM 15:36) "Então toda a congregação o tirou para fora do arraial, e o apedrejaram, e morreu, como o SENHOR ordenara a Moisés."

Não havia excusa para esse homem, pois Deus havia proibido o povo de Israel de acender fogo no sábado.
(ÊX 35:3) "Não acendereis fogo em nenhuma das vossas moradas no dia do sábado."
(ÊX 31:15) "Seis dias se trabalhará, porém o sétimo dia é o sábado do descanso, santo ao SENHOR; qualquer que no dia do sábado fizer algum trabalho, certamente morrerá."
Esse homem devia estar colhendo lenha para preparar sua alimentação, mas a penalidade da lei era severa para o ato: MORTE. Se hoje os líderes adventistas fossem aplicar a mesma pena por violação do sábado, não sobraria um só adventista no mundo.

VOCÊ ATUALMENTE GUARDA O SÁBADO COMO DEUS ORDENOU QUE SE FIZESSE NA LEI?

A pena de morte por apedrejamento era decretada para qualquer um que acendesse fogo ou outra atividade proibida para o dia.

Pergunto a você - suposto guardador do sábado:

VOCÊ ATUALMENTE GUARDA O SÁBADO COMO DEUS ORDENOU QUE SE FIZESSE NA LEI?

a) se você viaja no sábado de trem, automóvel, bicicleta ou outro qualquer meio de condução, está quebrando o sábado. Castigo: pena de morte.

b) se acende fogo ou gás em sua casa para o leite ou café matinal ou para esquentar qualquer outro alimento, está quebrando o sábado. Castigo: pena de morte.

c) se usa luz elétrica ou força para o chuveiro ou manda o empregado fazê-lo, está quebrando o sábado. Castigo: pena de morte.

d) se usa água corrente para tomar banho ou outra qualquer utilidade, está quebrando o sábado. Castigo: pena de morte.

Assim, todo adventista ou suposto guardador do sábado está sujeito à lei, e qualquer quebra de mandamento da lei composta - não de 10 - mas de 613 mandamentos, está vivendo sob a MALDIÇÃO DA LEI.

(GL 3:10) "Todos aqueles, pois, que são das obras da lei estão debaixo da maldição; porque está escrito: Maldito todo aquele que não permanecer em todas as coisas que estão escritas no livro da lei, para fazê-las."
(GL 3:11) "E é evidente que pela lei ninguém será justificado diante de Deus, porque o justo viverá da fé."

Dizem os adventistas, "Que aqueles que pretendem que haja leis de Deus tão pequenas que não precisam obedecer-lhes, são indignos de Seu reino." (Do Sábado para o Domingo, p. 93, Carlyle B. Haynes, CASA, 1996)

EXEMPLOS DE QUEBRA DA GUARDA DO SÁBADO PELOS ADVENTISTA

Como sabemos, Azenilto Brito traduziu o livro SONHOS E VISÕES de JEANINE SAUTRON. Ele traduziu o seguinte nas páginas 340/41 do citado livro,

“Novembro de 1986 – A Direção da IASD no Brasil fica “em cima do muro” quanto a ir votar no dia de sábado, se era ou não do 4o. mandamento da Lei de Deus. O Pr. Neal Wilson na ocasião estava visitando o Brasil, e quando perguntado, reservadamente, sobre o assunto disse não ver nenhum problema em cumprir esse dever cívico no sábado. ...”

“Em 03 de outubro de 1992, ocorreu a mesma coisa, a liderança da Igreja no Brasil trocou o princípio pela consciência. Ou seja, quem quisesse votar poderia. Transgredir o sábado não é mais problema de princípio ou doutrina é problema de consciência de cada um.”.

Exemplos colhidos em sites de adventistas:

...A Igreja Adventista transforma o sábado em um dia de rotina e cansaço para o membro, com múltiplas atividades, nem sempre tão espirituais (JA?) quanto se gostaria.
...A Igreja Adventista prefere promover reuniões especiais em um outro dia, denominando-o "Mega-Domingo" e promovendo a errônea compreensão de que o primeiro dia da semana deve ser reservado para culto especial a Deus.
...A Igreja Adventista, uma vez por ano, transforma o Dia do Senhor em "Dia do Pastor", no qual os membros devem render homenagens e obsequiar presentes ao seu tão dedicado líder espiritual.
...A Igreja Adventista faz desse dia período para propaganda e comércio de produtos (Livros, Revistas, CDs, etc) e serviços como acampamentos, camporis, arroz carreteiro, churrasco. Há casos em que se cobra até ingresso (no sábado!) para que o membro possa participar de um congresso, por exemplo.
“O pior de tudo, irmão, é que tanto aprendi como andei até ensinando por aí que: "O que desvia os seus ouvidos de ouvir a lei, até a sua oração será abominável." Provérbios 28:9. E tem um outro versículo que costumava citar sempre, que diz: "Aquele que diz: Eu o conheço, e não guarda os seus mandamentos, é mentiroso, e nele não está a verdade." I João 2:4.
Haveria muito mais para escrever, mas cremos ter sido o suficiente para introduzir a mais recente transgressão adventista, que constitui desatenção clara e simultânea a pelo menos dois mandamentos da Lei de Deus, o primeiro e o segundo. -- Robson Ramos.”

ESCÂNDALO!

“Faltou falar que alguns pastores, usando o púlpito sagrado, ensinam nas igrejas que o sexo no dia de sábado é uma bênção!”

“Outros entram no templo sagrado abarrotados de cds/cassets/livros/apostilas, etc, etc e dizem na maior cara de pau que após o pôr do sol, o material estará à disposição dos irmãos. Se isso ocorresse nos dias de CRISTO, seriam expulsos do templo por AQUELE que tem verdadeira autoridade. Os programas são milimetricamente cronometrados para terminarem logo após o pôr do sol, para então se fazer aquela lambança na igreja.”

“Tem mais, porém vou esperar você avaliar os demais mandamentos. O de não roubar, não adulterar, não mentir e não cobiçar... Esses mandamentos não precisa nem de avaliação, pois a iasd já se especializou em transgredi-los sem a menor dor de coração. -- Mário.”

Recebi um e-mail de certa pessoa chamada Luís Martini que explicou como a Sra. White recomendou a guarda do sábado: Ele afirma, “ Vê-se que de EGW você não leu um terço, não é? Ela nunca disse como guardar o sábado, o que ela fez foi dar algumas instruções, maioria das quais não estão mais vigentes, como por exemplo: "Não se deve tomar banho no sábado, pois havia todo um preparo para isso, mais ou menos, quatro horas de preparo." e "Não acender fogo aos sábado, porque também dispendia tempo." Vemos hoje que para se tomar banho basta ligar o chuveiro e acender fogo, riscar o fósforo”.


Autor : Dalton Gerth

6 comentários:

Venâncio disse...

Os fariseus são o exemplo errado de como cumprir a lei de Sábado. Jesus repreendia-os várias vezes e eles procuravam testar Jesus:

Qualquer, pois, que violar um destes mandamentos, por menor que seja, e assim ensinar aos homens, será chamado o menor no reino dos céus; aquele, porém, que os cumprir e ensinar será chamado grande no reino dos céus.
Pois eu vos digo que, se a vossa justiça não exceder a dos escribas e fariseus, de modo nenhum entrareis no reino dos céus.
(Mateus 5:17-20)
--------------------

Varias das Leis que Moisés deu ao povo foram dadas para corrigir o povo que se habituara dos costumes dos egípcios durante 4 séculos. As únicas leis que se mantêm são aquelas escritas pelo dedo de Deus numa tábua de pedra (10 mandamentos):

Então se aproximaram dele alguns fariseus e, para o experimentarem, lhe perguntaram: É lícito ao homem repudiar sua mulher?
Ele, porém, respondeu-lhes: Que vos ordenou Moisés?
Replicaram eles: Moisés permitiu escrever carta de divórcio, e repudiar a mulher.
Disse-lhes Jesus: Pela dureza dos vossos corações ele vos deixou escrito esse mandamento. Mas desde o princípio da criação, Deus os fez homem e mulher (Marcos 10:2-6) e (Mateus 19:2-9)


------------------

Os escribas enm respeitavam as suas pesadas leis, pois ensinavam uma coisa e não a faziam, de facto o importante para eles era a sua "aparencia exterior" e serem bem vistos pelo povo, e orgulhavam-se disso:

Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque dais o dízimo da hortelã, do endro e do cominho, e tendes omitido o que há de mais importante na lei, a saber, a justiça, a misericórdia e a fé; estas coisas, porém, devíeis fazer, sem omitir aquelas. Guias cegos! que coais um mosquito, e engolis um camelo. Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque limpais o exterior do copo e do prato, mas por dentro estão cheios de rapina e de intemperança. Fariseu cego! limpa primeiro o interior do copo, para que também o exterior se torne limpo. Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque sois semelhantes aos sepulcros caiados, que por fora realmente parecem formosos, mas por dentro estão cheios de ossos e de toda imundície. Assim também vós exteriormente pareceis justos aos homens, mas por dentro estais cheios de hipocrisia e de iniquidade. (Mateus 23:23-28)
-----------------------------

Conclusão:
Os fariseus e os doutores da leis acrescentaram várias leis à de sábado. Se queres saber como o Sábado é verdadeiramente guardado, então segue a Jesus Cristo(ou não és Cristão? Se és, segue-o)

Amen.

Venâncio disse...

Em breve vou abrir mais um blog e responder a cada uma dessas imposições que fazes usando cada um desses versíclios. É tudo simplesmente mentira.

Tu é que não sabes o que é guardar o Sábado. Os fariseus não são exemplos a seguir pois Jesus diz:

E os fariseus, vendo isso, perguntavam aos discípulos: Por que come o vosso Mestre com publicanos e pecadores?
12 Jesus, porém, ouvindo isso, respondeu: Não necessitam de médico os sãos, mas sim os enfermos. 13 Ide, pois, e aprendei o que significa: Misericórdia quero, e não sacrifícios. Porque eu não vim chamar justos, mas pecadores. (Mateus 9:11)

e ainda:

3 Ele, porém, lhes disse: Acaso não lestes o que fez David, quando teve fome, ele e seus companheiros? 4 Como entrou na casa de Deus, e como eles comeram os pães da proposição, que não lhe era lícito comer, nem a seus companheiros, mas somente aos sacerdotes? 5 Ou não lestes na lei que, aos sábados, os sacerdotes no templo violam o sábado, e ficam sem culpa? 6 Digo-vos, porém, que aqui está o que é maior do que o templo. 7 Mas, se vós soubésseis o que significa: Misericórdia quero, e não sacrifícios, não condenaríeis os inocentes. 8 Porque o Filho do homem até do sábado é o Senhor. (Mateus 12:3-8)

e ainda:

32 Ao que lhe disse o escriba: Muito bem, Mestre; com verdade disseste que ele é um, e fora dele não há outro; 33 e que amá-lo de todo o coração, de todo o entendimento e de todas as forças, e amar o próximo como a si mesmo, é mais do que todos os holocaustos e sacrifícios.
34 E Jesus, vendo que havia respondido sabiamente, disse-lhe: Não estás longe do reino de Deus. E ninguém ousava mais interrogá-lo. (Marcos 12:32-34)

Venâncio disse...

mais um assunto encerrado (já vão 4)

O Peregrino disse...

Como o sr Vanâncio cria confusão, quando me refiro em guardar o sábado estou falando dos judeus e não escribas e fariseus, embora hoje há muitos fariseus na terra, porém a lei do sábado guardaddo pelos judeus era essa na qual foi postado em meu blogger e sei que os guardadores do sábado não guardam da forma que é pra guardar, conheço muito bem as questões dos fariseus, conheço muito bem do que Jesus se referia, mas nunca ele deu ênfase na guarda do sábado, aliás, onde está escrito que sábado salva? Portanto, os "guardadores" do sábado fazem dessa lei (abolida) um cavalo de batalha, aliás, no princípio nem EGW guardava o sábado.

O Peregrino disse...

A lei foi dada na épopca para se cumprir, inclusive a guarda do sábado da forma que estava ESCRITO e eles guardavam, mas como a lei não estava mais surtindo efeito então foi necessário vir Jesus para abrir o caminho da forma que Deus achava melhor, e isso se resume em dois mandamentos, Jesus disse tudo, se tu guardas o sábado tudo bem sr. Vanâncio, mas não queira julgar as pessoas que não guardam o sábado, pois aí sim o Sr. está sendo um fariseu, pois o sábado era guardado daquela forma como está REGISTRADO nas escrituras, se ela está REGISTRADA era porque seria dessa forma, quando Jesus se referia aos fariseus era porque eles "mandavam" fazer, mas eles próprios não faziam, e como tem fariseu por aí à fora.

Resolvido para você.

O Peregrino disse...

A lei foi dada na épopca para se cumprir, inclusive a guarda do sábado da forma que estava ESCRITO e eles guardavam, mas como a lei não estava mais surtindo efeito então foi necessário vir Jesus para abrir o caminho da forma que Deus achava melhor, e isso se resume em dois mandamentos, Jesus disse tudo, se tu guardas o sábado tudo bem sr. Vanâncio, mas não queira julgar as pessoas que não guardam o sábado, pois aí sim o Sr. está sendo um fariseu, pois o sábado era guardado daquela forma como está REGISTRADO nas escrituras, se ela está REGISTRADA era porque seria dessa forma, quando Jesus se referia aos fariseus era porque eles "mandavam" fazer, mas eles próprios não faziam, e como tem fariseu por aí à fora.

Resolvido para você.