widgets

terça-feira, 7 de julho de 2009

Miscelânea de Heresias

Há heresias tão absurdas ensinadas por algumas organizações religiosas as quais comprometem o conceito que os cristãos têm sobre esses grupos. Observe a seguir as maiores heresias, as quais estão espalhadas nas diversos grupos religiosos especialistas em fazer adeptos dentre os cristãos.

1. MENINOS DE DEUS - O SEXO É LIVRE
“Se Deus põe amor em seu coração, no coração de um homem por outro homem, como pode isso ser considerado mal, desde que o amor vem de Deus? Olhe para David e Jônatas. David disse: ‘Angustiado estou por ti, meu irmão Jônatas: quão amabilíssimo me eras! Mais maravilhoso me era o teu amor do que o amor das mulheres.’” (Homos – A Question of Sodomy, página 6, julho de 1978)

REFUTAÇÃO APOLOGÉTICA – A Bíblia ensina que os efeminados e os sodomitas (homossexuais) não herdarão o reino de Deus, mas merecem a morte no julgamento de Deus. - 1 Coríntios 6:9-11; Romanos 1:26-32.

2. IGREJA LOCAL DE WITNESS LEE - JOÃO BATISTA NÃO PERMANECEU FIEL A DEUS.
“‘João Batista é um exemplo de alguém que começou na linha da vida, na incumbência de Deus, mas que no fim se desviou.’ ‘Ele mesmo disse: “Convém que Ele (Jesus) cresça e que eu diminua.’ (João 3.30). Entretanto, em vez de diminuir, João cresceu. Ele gerou um discipulado. Certa vez, quando João encontrou Jesus, dois de seus discípulos seguiram-no, mas ele mesmo não foi.’ ‘No início ele foi totalmente contra os fariseus, chamando-os de raça de víboras, mas depois igualou-se a eles.’ (Mat. 9.14). “João começou a perder totalmente a direção de Deus.” ‘Ele se orgulhou, até mesmo chegou a competir com Cristo; tinha seus próprios discípulos e andava no seu próprio caminho. Por isso o Senhor permitiu que sua cabeça fosse cortada.” - Jornal Árvore da Vida (órgão de divulgação do grupo), Ano 3 - Número 25, p. 6.

REFUTAÇÃO APOLOGÉTICA – Jesus ensina, depois da morte de João Batista, que entre os nascidos de mulheres, ninguém é maior do que João Batista. Isso mostra que ele permaneceu fiel a Deus. - Mateus 11:11-14; 17:11-13; compare com Malaquias 4:5, 6.

3. TESTEMUNHAS DE JEOVÁ – JESUS É O ANJO MIGUEL.
“Em 1 Tessalonicenses 4:16 (ALA), a ordem de Jesus Cristo para a ressurreição começar é descrita como “a voz do arcanjo”, e Judas 9 diz que o arcanjo é Miguel. Seria apropriado assemelhar a chamada dominante dada por Jesus com a de alguém inferior a ele em autoridade? É, portanto, razoável que o arcanjo Miguel seja Jesus Cristo. (É interessante que a expressão “arcanjo” nunca é encontrada no plural nas Escrituras, dando assim a entender que há apenas um.)” – Raciocínios à Base das Escrituras, página 219.

REFUTAÇÃO APOLOGÉTICA – Quem geralmente toca trombeta são os anjos. (Apocalipse 8:7-13; 10:7; 11:15) Jesus vem com os anjos. (2 Tessalonicenses 1:7) Entre esses anjos, estará o arcanjo que anunciará a vinda de Jesus. Assim como vir ele com a trombeta de Deus não prova que é Jesus quem tocará a trombeta, já que são os anjos que fazem isso, assim também o brado de arcanjo não será de Jesus, mas do arcanjo. Jesus não é anjo, pois ele é Deus (João 20:28) e é o Criador dos anjos. – João 1:3; Colossenses 1:15, 16; Hebreus 1:6.

4. IGREJA APOSTÓLICA VÓ ROSA – A VÓ ROSA, AO MORRER, TORNOU-SE O ESPÍRITO CONSOLADOR.
A seita Vó Rosa, apesar de demonstrar crer num Deus Trino, ensina que a Vó Rosa, uma senhora que morreu com 76 anos de idade num acidente de trânsito numa cidade chamada de Poá, São Paulo, aos 26 de outubro de 1970, é o Espírito Consolador, prometido por Jesus. (João 14:16) Crêem também que o sobrinho dela, o Sr. Aldo, recebe mensagens do Espírito Consolador. Observe o poema rezado pelos adeptos dessa seita:
“Por esse motivo, tanto o perdão de pecados como o mérito de ter a unção do Espírito Santo, bem como ainda outra qualquer súplica, podem e devem ser dirigidos ao Pai, em nome dos três, especialmente de Jesus e da Santa Vó Rosa, o Consolador.” – O Espírito Santo de Deus e O Consolador, 2a. edição, 1985, página 22.
“Ó, querido irmão Aldo,Interceda a Deus por nósSabemos que o Senhor é SantoEle sempre ouve a sua voz.Junto a Santa Vó Rosa,O Santo Espírito ConsoladorPassas horas e horas gloriosasJunto a Deus, Pai nosso Criador.Ó, bondoso irmão Aldo,Nós te pedimos de coraçãoQue nas horas que vais ao CéuLeva a Deus nossa oração.Junto a anjos poderosos,Junto a Jesus, nosso Salvador,Passas momentos gloriososJunto ao Trono do Criador.Ó, bondoso irmão Aldo,Nós te pedimos com fé e amorPorque sabemos que o Senhor é SantoÉs o templo do Consolador.”

REFUTAÇÃO APOLOGÉTICA - Podemos afirmar categoricamente que esse poema é uma verdadeira heresia com todas as rimas. Nós, cristãos, cremos que Jesus é o nosso intercessor, não o tal Aldo, sobrinho da Vó Rosa. Assim, lemos em 1 Timóteo 2:5: “Porquanto há um só Deus e um só Mediador entre Deus e os homens, Cristo Jesus, homem.” Além disso, o Santo Espírito Consolador não pode ser a Vó Rosa, como se ela fosse a quarta pessoa da Trindade. O Consolador prometido por Jesus é o Espírito Santo, não uma habitante da cidade de Poá, Estado de São Paulo, ou de qualquer outra cidade do planeta Terra.

5. LEGIÃO DA BOA VONTADE – SATANÁS DEVE SER AMADO.
“Amigos meus, oremos por Satã, amemo-lo de todo o coração”. - A obra Mensagem de Jesus para os Sobreviventes, página 29.

REFUTAÇÃO APOLOGÉTICA - O que você pode esperar de uma seita que ensina que é para ORAR por Satã, ou Satanás? A Bíblia diz que nós devemos odiar o que é mau. (Salmo 97:10) E diz também que devemos nos opor ao Diabo, não que devemos orar por ele. – Tiago 4:7.

6. CIÊNCIA CRISTÃ – UMA EXPLICAÇÃO HERÉTICA DA TRINDADE.
“A vida, a verdade e o amor constituem a Pessoa trina e uma chamada Deus – isto é o princípio triplamente divino, o Amor. Representam uma trindade em unidade, três em um – idênticos em essência, embora multiformes em função: Deus, o Pai-Mãe, Cristo, a idéia espiritual de filiação; a ciência divina, ou o Santo Consolador. [...] Pai-Mãe é o nome da divindade.” – Ciência e Saúde Com as Chaves das Escrituras, páginas 112, 113.

REFUTAÇÃO APOLOGÉTICA – Deus jamais é chamado de mãe nas Escrituras, mas de Pai, e pelo próprio Filho, Jesus. (Mateus 6:9) O Filho de Deus não é apenas uma idéia, mas Deus que se tornou homem. Ensinar Jesus côo algo abstrato é uma heresia. (2 João 7) O Espírito Santo é o Consolador, não uma ciência cristã. A Bíblia atribui ao Espírito Santo pessoalidade (João 16:7-13), não impessoalidade. Quanto ao nome de Deus, chamá-lo de Pai-Mãe soa para os cristãos como soaria para os psicólogos chamar Freud de Pai-Mãe da psicologia ou para os pilotos de avião chamar Santos Dumont de Pai-Mãe da aviação. Parece endossar as palavras de certo cantor brasileiro: “Se Deus é menina e menino, sou masculino e feminino.”

7. CRISTADELFOS – JESUS NÃO EXISTIA ANTES DO SEU NASCIMENTO,POIS ERA SÓ A PALAVRA DE DEUS, OU SEJA, UMA PROMESSA.
“A lei de Moisés aponta para Cristo [...] isto deveria ser prova suficiente de que Jesus não existiu fisicamente (os cristadelfos crêem que Deus exista no céu fisicamente) antes de seu nascimento.” - Duncam Heastern, Printland Publishers, 1999, página 150.

REFUTAÇÃO APOLOGÉTICA – Em primeiro lugar, Deus é Espírito. (João 4:24) Em segundo lugar, Jesus deu a entender várias vezes que já existia como pessoa espiritual antes de nascer aqui na terra. (João 8:58; João 17:5) Miquéias profetizou a vinda de Jesus, afirmando que suas origens eram desde os dias da eternidade. – Miquéias 5:2.

8. ORDEM ROSA CRUZ – O HOMEM, E NÃO JESUS, EXPIA A HUMANIDADE.
“Sabemos que a doutrina da expiação é misticamente verdadeira, mas somente no sentido de que o próprio homem, alcançando o estado de Consciência Cósmica, pode expiar seu estado pecaminoso.” - Discurso Suplementar, Série III, página 4.

REFUTAÇÃO APOLOGÉTICA – Nenhum homem podia remir outro homem, pois todos tinham pecado. (Jó 14:4; Romanos 5:12) O Salmo 49:7 diz: “Ao irmão, verdadeiramente, ninguém o pode remir, nem pagar por ele a Deus o seu resgate.” A Bíblia afirma que foi o sacrifício de Jesus que nos salvou, não um estado de consciência cósmica. A Bíblia nos ensina: “Pois o amor de Cristo nos constrange, julgando nós isto: um morreu por todos; logo, todos morreram. E ele morreu por todos, para que os que vivem não vivam mais para si mesmos, mas para aquele que por eles morreu e ressuscitou.” – 2 Coríntios 5:14, 15.

9. RACIONALISMO CRISTÃO – A BÍBLIA ESTÁ REPLETA DE ERROS.
“Na Bíblia, todos os sabem, foram alterados diversos textos originais. [...] As seitas religiosas que introduziram na Bíblia este versículo repleto de malícia: ‘Bem-aventurados os pobres de espírito, porque dos tais é o reino dos céus’.” – Centro Redentor, 30a. edição, 1976, página 75.

REFUTAÇÃO APOLOGÉTICA – Jamais algum perito em grego bíblico questionou a veracidade de Mateus 5:3. Além disso, essa seita que nega os milagres e o sacrifício de Jesus, e chama a Deus de Força Universal, Força Criadora ou Grande Foco, não deveria ter a palavra Cristão em seu nome, pois ela fere os ensinamentos de Jesus. Jesus disse: “A tua palavra é a verdade”. (João 17:17) Por fim, cremos que a Bíblia toda é a palavra de Deus, e que a comparação entre os manuscritos mais antigos mostra a sua veracidade, bem como suas profecias já cumpridas, as quais são a maior prova de inspiração divina. Negar verdades bíblicas é sinônimo de não ser cristão. - Gênesis 3:1-5; João 8:44.

10. IGREJA MESSIÂNICA E O SEU DEUS PANTEÍSTA.
“Jeová, Deus, Logos, Tentei, Mukyoku, Amaterassu-ookami, kunitatitoko-no-mioto, Cristo, Shaka, Amida e Kannon constituem o alvo de adoração de diversas religiões. [...] Todas são divindades de alto nível.” – Alicerce do paraíso, Volume 4, página 5.

REFUTAÇÃO APOLOGÉTICA – A Igreja Messiânica crê num Deus panteísta, ou seja, Deus é tudo, tudo é Deus. Portanto, tornam-se com muita naturalidade politeístas. No entanto, não vemos a menor base para compararmos nosso Deus e Senhor Jesus Cristo (João 20:28) com meros mortais ou com deuses falsos. Cremos na Bíblia, cujo Autor profetizou que muitos reconheceriam: “Só contigo [o povo de Deus] está Deus, e não há outro que seja Deus.” (Isaías 45:14) Portanto, todos aqueles que se intitulam deus, são meros deuses falsos.

11. ESPIRITISMO KARDECISTA – SATANÁS É A PERSONIFICAÇÃO DO MAL.
“Satã [...] não é um ser real; é a personificação do mal.” – O Que É Espiritismo, página 297, Editora Opus Ltda, 2a. edição especial, 1985.

REFUTAÇÃO APOLOGÉTICA – O espiritismo kardecista crê na existência de espíritos desencarnados maus, mas não que estes sejam anjos que se rebelaram. São espíritos de pessoas falecidas, espíritos que não atingiram um grau de evolução maior, e precisarão reencarnar muitas vezes para se tornarem espíritos bons. Se assim fosse, o mundo estaria cada vez melhor. Mas os sinais dos tempos provam que o caráter das pessoas seria cada vez pior. (2 Timóteo 3:1-5; Mateus 24:12) Por isso a Bíblia nos ensina que Satanás é um personagem real, não uma mera personificação. Dentre as dezenas de textos que poderíamos citar, basta lermos Jó capítulos 1 e 2 e Mateus 4:1-10, textos em que Satanás é descrito dialogando com Deus e com Jesus.

12. IGREJA LOCAL DE WITNESS LEE – SATANÁS HABITA NOS CRISTÃOS.
“O próprio Satanás, como a natureza maligna e como a lei do pecado, habita em nós para corromper o nosso corpo.” “Somos bastante complicados. O homem Adão, está em nós; o diabo, Satanás, está em nós; e o Senhor da vida, o próprio Deus, está em nós. Portanto, nós nos tornamos um pequeno Jardim do Éden” “Adão, o ego, está na nossa alma: Satanás, o diabo, está em nosso corpo; e Deus, o Deus Trino, está em nosso espírito”” - A Economia de Deus, Witness Lee páginas 189-191.
REFUTAÇÃO APOLOGÉTICA - Ora, os cristãos não tão complicados assim. A Bíblia diz que não há concórdia entre Cristo e Belial (Satanás). Em 2 Coríntios 6:15 mostra-nos também que o nosso corpo é templo do Espírito Santo, e não de Satanás. – 1 Coríntios 6:19.

13. TABERNÁCULO DA FÉ - SEU FUNDADOR PREVIU O FIM DO MUNDO PARA 1977.
“Ainda que muitas pessoas julguem que esta seja uma profecia irresponsável, visto que Jesus disse que acerca do dia e da hora ninguém sabe (Marcos 13:32), todavia mantenho-me firme na minha crença depois de 30 anos...que o ano de 1977 deve trazer o fim dos sistemas mundiais e introduzir o milênio.” - As Sete Idades da Igreja, página 361.

REFUTAÇÃO APOLOGÉTICA - Como o fim não veio em 1977, William se tornou um falso profeta. Deuteronômio 22:18 diz que quando a profecia do profeta não se cumpre, esta é a palavra que o SENHOR não falou. Sabemos que até hoje os adeptos dessa seita acreditam que o Sr. William foi o 7o. profeta e mensageiro, entre os sete descritos em Apocalipse capítulos 2 e 3. Assim, será que Deus usaria uma pessoa que ousou a achar que pudesse saber o ano da volta de Cristo? Ora, quando Jesus disse que ninguém sabia o dia e a hora, evidentemente ele quis dizer nem o mês, nem o ano, nem o século e nem o milênio.

14. ASTROLOGIA – OS ASTROS EXERCEM INFLUÊNCIA SOBRE NÓS.
“Astrologia é a ciência das influências estelares e a maneira como ela afeta a personalidade, o caráter e os eventos futuros. [...] Da ciência da astrologia vem o conhecido horóscopo. O horóscopo é essencialmente um mapa retratando a posição do sol, da lua e dos planetas no exato momento do nascimento de uma pessoa. Onde os corpos celestes estiverem no mapa de uma pessoa indicam influências específicas sobre o caráter pessoal, forças, fraquezas, relacionamentos, e os principais eventos da vida.” – Enciclopédia de Wicca e Bruxaria, editora Gaia Limitada, 2004, página 36.

REFUTAÇÃO APOLOGÉTICA – Infelizmente, alguns cristãos dão uma olhada nos horóscopos em jornais e revistas, por curiosidade. No entanto, a Bíblia mostra que os servos de Deus não toleram esse tipo de prática. Embora os astros exerçam influências nas marés, nas plantas, as estrelas, que formam os signos do zodíaco, as quais estão a milhões de anos luz, não podem determinar as características pessoais de ninguém. A ciência jamais comprovou isso. A Bíblia mostra, por outro lado, que os servos de Deus sempre tomaram uma posição firme contra a astrologia. Josias, rei de Israel, “também destituiu os sacerdotes que os reis de Judá estabeleceram para incensarem sobre os altos nas cidades de Judá e ao redor de Jerusalém, como também os que incensavam a Baal, ao sol, e à lua, e aos mais planetas, e a todo o exército dos céus.” (2 Reis 23:5) A prática da adivinhação, mediante a consulta dos astros, também é condenada nas Escrituras. (Atos 16:16) Trata-se de uma prática satânica. Crer na astrologia é sinal de que a pessoa não confia nas orientações de Deus para a sua vida, através da Bíblia. – Salmo 19:7; 119:105.

15. SEICHO-NO-IÊ E A INEFICÁCIA DA MORTE DE CRISTO.
“Se os pecados tivessem existência real, mesmo a pregação de Buda em todas as esferas não poderia destruí-los; a crucificação de Cristo também teria sido ineficaz para destruí-los.” – A Verdade e A Vida, página 210, edição de 1965.

REFUTAÇÃO APOLOGÉTICA – O budismo nega a existência do pecado, e por isso nega o sacrifício resgatador de Cristo. Segundo essa seita, as palavras acima foram as de um “anjo” para Masaharu Taniguchi, fundador da Seicho-No-Iê (nome que em japonês quer dizer “Lar do Progredir Infinito). No entanto, sabemos que o pecado existe, pois todos pecaram, diz a Bíblia. (Romanos 3:23) Quando à cruz de Cristo, temos a certeza de que ela destruiu os pecados daqueles que aceitam Jesus como seu Deus, Senhor e Salvador, pois a Bíblia nos garante: “Ora, neste caso, seria necessário que ele tivesse sofrido muitas vezes desde a fundação do mundo; agora, porém, ao se cumprirem os tempos, se manifestou uma vez por todas, para aniquilar, pelo sacrifício de si mesmo, o pecado.” - Hebreus 9:26.

16. A MAÇONARIA E O JURAMENTO A ESSA SEITA.
Eu, ________________, juro e prometo, de minha livre vontade e por minha honra e por minha fé, em presença do Grande Arquiteto do Universo e perante esta assembléia de maçons [...] nunca revelar qualquer dos mistérios da maçonaria que me vão ser confiados [...] nunca os escrever, gravar, imprimir [...] Se violar este juramento, seja-me arrancada a língua, o pescoço cortado e meu corpo enterrado na areia do mar [...] sendo declarado sacrilégio para Deus e desonrado para os homens. Amém.” – Juramento extraído da Série Apologética do Instituto Cristão de Pesquisas, Volume 6, página 118.

REFUTAÇÃO APOLOGÉTICA - Os cristãos não podem e não devem se envolver com esse tipo de juramento. Ele é uma violação à vida e ao Criador dela. Embora os maçons, no geral, sejam pessoas muito honestas e respeitosas, cidadãos corretos e ótimos chefes de família, lamentamos que cristãos se envolvam com essa sociedade cheia de mistérios, que certamente condenaria o abuso que outras seitas fazem de seus adeptos, mas que ao mesmo tempo promete a morte para aqueles que contarem um de seus segredos, como forma de coibir e escravizar mentes. (Mateus 5:34, Tiago 5:12; Levítico 5:4) Quando doamos nosso próprio corpo a uma sociedade humana, estamos desprezando a nossa vida. Diz a Bíblia: “Acaso, não sabeis que o vosso corpo é santuário do Espírito Santo, que está em vós, o qual tendes da parte de Deus, e que não sois de vós mesmos? Porque fostes comprados por preço. Agora, pois, glorificai a Deus no vosso corpo.” (1 Coríntios 6:19, 20) Será que o juramento maçom é uma forma de glorificarmos a Deus no nosso corpo? A estes é dedicada a sábia advertência:
“Não vos ponhais em jugo desigual com os incrédulos (a maçonaria crê num Deus Gadu, mas não crê que Jesus morreu por nós); porquanto que sociedade pode haver entre a justiça e a iniqüidade? Ou que comunhão, da luz com as trevas? Que harmonia, entre Cristo e o Maligno? Ou que união, do crente com o incrédulo? (a maçonaria aceita ateus e gnósticos, e ensina seus adeptos a se considerarem como irmãos. Um cristão seria irmão de um ateu?) Que ligação há entre o santuário de Deus e os ídolos? (a maçonaria faz em suas lojas a invocação de espíritos, chamada de egrégoras.) Porque nós somos santuário do Deus vivente, como ele próprio disse: Habitarei e andarei entre eles; serei o seu Deus, e eles serão o meu povo. (Se somos santuários do deus vivente, seria correto jurarmos lealdade a essa seita sob pena de sermos mortos?) Por isso, retirai-vos do meio deles, separai-vos, diz o Senhor; não toqueis em coisas impuras; e eu vos receberei, serei vosso Pai, e vós sereis para mim filhos e filhas, diz o Senhor Todo-Poderoso. (Será que Deus aceita que sejamos maçons? Será que Jesus aceitaria fazer parte dessa sociedade?) – 2 Coríntios 6:14-18; texto em negrito acrescentado como comentário do texto bíblico.

CONCLUSÃO
Este estudo mais genérico destinou-se apenas a alertar cristãos contra algumas das mais terríveis heresias da atualidade. Em trabalhos futuros, outras ainda serão abordadas. Que todos os cristãos estejam alerta contra tudo aquilo que se opõe à verdade de nosso Deus, SENHOR e Salvador, Cristo Jesus.



Fernando Galli



Nenhum comentário: