sábado, 20 de dezembro de 2008

CONCLUSÃO

Muitas outras heresias são propagadas pelos kardecistas, mas creio que as que estou denunciando e refutando neste humilde livro são mais que suficientes para provar que o que afirmei no capítulo 1, a saber, que o kardecismo é incoerente, não é uma crítica gratuita. Certamente está claro também que o Kardecismo prega outro evangelho; e que este deve, segundo a Bíblia, ser anatematizado, isto é, declarado maldito e, portanto, rejeitado e desdenhado (Gl. 1:8-9). Repito que essa tal de terceira revelação não tem razão de ser. Sim, ratifico que o que o kardecismo prega hoje, sempre pôde ser pregado e, de fato, sempre houve quem o pregasse. Ainda há cegos espirituais que nada vêem, tal qual antigamente; bem como ainda há, também, os verdadeiros servos de Deus. As grandes realizações (boas e más) da Antiguidade provam que a Humanidade não evoluiu em nada. O homem está mais sábio, não mais inteligente, nem tampouco mais espiritual. Quanto a estas questões (inteligência e evolução espiritual) está tudo estável. Senão, reveja estes exemplos:

A) Os muçulmanos estão aí, com suas crenças ridículas e perigosas, bem como nos acusando de pregar “o cúmulo da injustiça” (Ulfat Aziz Assamad. C.D.I.A.L. 1991, pagina 49, citado na Bíblia Apologética, 1ª edição, 2000, ICP Editora, página 15);

B) Os hinduístas estão aí, com seus 33.000.000. (trinta e três milhões) de deuses. Milhões de pessoas na Índia cultuam aos ratos, aos jacarés, às vacas, etc. Algumas mães têm atirado seus filhnhos aos lagos, para serem devorados pelos deuses jacarés, como oferendas a esses deuses;

C) Os adeptos dos cultos afro-brasileiros (candomblecistas, umbandistas, quimbandistas) estão por aí, cultuando a Exu;

D) Os católicos estão aí, pregando a tal de infalibilidade papal, perdão parcial, castigos para os pecados já perdoados, indulgências, Limbo, “santos” que choram e sangram, etc.;

E) O Budismo está aí, pregando o panteísmo. Ora, panteísmo é ateísmo disfarçado;

F) Os testemunhas-de-jeová estão aí, ensinando que Jesus de Nazaré morreu e continua morto e que, portanto, não existe mais (Poderá Viver Para Sempre no Paraíso na Terra, páginas 143-145, §§ 6-10; e Despertai!, de 22/12/1.984, página 20). (Par saber mais, acesse o meu SITE [www.pastorjoel.com.br] e leia o meu livro intitulado Testemunhas de Jeová: Que Religião é Essa?;

G) Os adventistas do 7º dia estão aí, pregando que Jesus também era portador do pecado original, que Jesus é Miguel, que os escritos de Ellen White são tão inspirados quanto a Bíblia, que os nossos pecados serão expiados na pessoa do Diabo, etc. (Se você duvida que o Adventismo do 7º Dia isso, faça o seguinte: Acesse o SITE acima e leia o capítulo 9 do meu livro intitulado “Igreja” Adventista do Sétimo Dia: Que Seita é Essa?”;

H) A Maçonaria está aí, ensinando através do livro intitulado Moral e Dogmas (em inglês), de autoria de Albert Pike (página 102), que “satanás não é uma Pessoa, mas uma Força criada para o bem, mas que pode servir para o mal”. E além de a Maçonaria (à página 321 da obra Morals and Dogma, num contexto que, honestamente, me pareceu de exaltação a Lúcifer) informar que o vocábulo LÚCIFER significa “portador da Luz” (“LUCIFER, the Light-bearer!”) e “Filho da Alva” (“Lucifer, the Son of the Morning”), há denúncias deveras comprometedoras, segundo as quais o tal de Albert Pike asseverou que Adonai (isto é, o Deus bíblico) é mau e que Lúcifer é bom. Só para citar um exemplo, veja o que consta do livro intitulado Maçonaria _ do Outro Lado da Luz (este livro pode ser encontrado nas livrarias evangélicas), de autoria de um ex-maçon do 32º Grau, publicado pela CLC Editora – 2ª edição, 1.995. À página 61, citando The Lost Keys of Freemasonry, página 48, Macoy Publishing, Richmond, VA, 1.976, página 65, o dito William Schnoebelen asseverou que Albert Pike fez as seguintes afirmações:
· “A religião maçônica deve ser, por todos nós iniciados do alto grau, mantida na pureza da doutrina Luciferiana.”
· “Caso Lúcifer não fosse Deus...será que Adonay e seus sacerdotes o caluniariam?”
· “Sim, Lúcifer é Deus, e infelizmente Adonay também é deus...”
· “Desta forma... a religião... pura e verdadeira é a crença em Lúcifer, o equivalente de Adonay; mas Lúcifer, Deus da Luz e Deus do Bem, está batalhando pela humanidade contra Adonay, o Deus das trevas e do Mal.”
Bem, eu disse acima que as palavras do senhor Albert Pike, constantes da página 321 de seu livro intitulado Morals and Dogma, pareceram-me de exaltação a Lúcifer. Para que o respeitável leitor não seja induzido por mim a ter mau juízo do falecido que, por isso mesmo, não está aqui para se defender de minhas acusações, vou copiar suas palavras e, a seguir, traduzi-las, possibilitando assim que o leitor tire suas próprias conclusões. Eis a cópia: “LUCIFER, the Light-bearer! Strange and mysterious name to give to the Spirit of Darkness! Lucifer, the Son of the Morning! Is it he who bears the Light, and with its splendors intolerable blinds feeble, sensual, or selfish Souls? Doubt in not!” Agora, vamos à prometida tradução: [...] “Lúcifer, o portador da luz! Nome extranho e misterioso para se dar ao Espírito das Trevas! Lúcifer, o Filho da Alva! Será ele o que traz a luz, e com o seu esplendor insuportável cega as almas fracas, sensuais ou egoístas? Sem dúvida que não” [...].
Prega ainda essa falsa religião que o nome de Deus é Abadom (“Abadom” significa “Destruidor”, e é um dos nomes que a Bíblia dá ao Diabo [Ap 9:11]) e Jabulom (formaram este nome usando as primeiras sílabas dos nomes Jeová [um dos nomes que a Bíblia dá a Deus], Baal [o supremo deus dos cananeus] e Osíris [deus do antigo Egito]). E assim por diante. Como a Maçonaria é profana!. Você quer que eu prove que a Maçonaria realmente é culpada das profanações acima? Então volto a lhe recomendar o meu SITE (www.pastorjoel.com.br) para ler o meu livrete intitulado: Maçonaria: É ou Não é Uma Religião?;

I) Os mórmons estão aí, ensinando através de seus livros, que é porque existe o pecado que há diversas bênçãos, como, por exemplo, “a nossa existência, alegria, vida eterna” ... (veja a prova lendo os livros deles, como por exemplo, Princípios do Evangelho, página 31; e O Livro de Mórmon, 2 Néfi 2:22-25) etc. (você quer saber mais sobre os mórmons? Acesse o SITE acima e leia o meu livro intitulado “Igreja” Mórmon, Que Seita é Essa?;

J) A promiscuidade, a prostituição, o adultério, a traição, a avareza, a desonestidade, a bruxaria, a idolatria, as heresias, a perversidade, o ateísmo ... avolumam-se cada vez mais. Portanto, se o mundo atualmente está preparado para receber essa tal de terceira revelação, então sempre o esteve; e se há 2.000 (dois mil) anos atrás, a Humanidade ainda não estava em condição de assimilar tão “profunda revelação”, então ainda é assim. Saia disso, portanto, se você já caiu no conto do vigário. E não entre nessa, se ainda está de fora. Refugie-se em Cristo já, se ainda não o fez.
Alguém já disse acertadamente que “nada é mais falso do que o idêntico”. Este adágio evidencia que o kardecismo, o Racionalismo Cristão, a LBV ... são piores do que o Candomblé, o Vodu, a Quimbanda, a Umbanda, etc. É que nestas quatro últimas ramificações espíritas, o Diabo se disfarça menos do que nas três primeiras.
Prezado leitor, dê-me o prazer de encontrá-lo no Céu! Sentir-me-ei bem recompensado se estas linhas contribuírem para a salvação de pessoas bondosas, sinceras e inteligentes que, por falta de uma experiência com Deus, se deixaram levar pelos escritos perniciosos de um homem usado por Satanás, chamado Hippolyte Léon Denizart Rivail, o qual alegava ser a reencarnação de um tal de Allan Kardec, por cujo motivo adotou esse pseudônimo em suas publicações.
Kardecistas, não paguem com ódio o amor que estou lhes devotando, pois esta obra, na verdade antikardecismo, é, simultaneamente, pró-kardecistas, pois visa livrá-los do engano religioso de que são vítimas.
Esforcei-me sobremaneira (orando ao Senhor e estudando o Kardecismo) para lhe ajudar a se libertar do Espiritismo. E este livro é conseqüência disto. Mas tudo isto só será eficaz se você deixar o Espírito Santo lhe iluminar. Tomara que você se dê por avisado e fuja da mentira para aquEle que disse ser a Verdade: Jesus (Jo.14:6).
Prezado leitor, seu envolvimento com qualquer das seitas espíritas, sem dúvida o tornou muito íntimo de Satanás. Por isso, é de se esperar que tão logo ele note que este livro o desmascarou e que você deseja trocá-lo por Cristo, que ele faça tudo para não perdê-lo. Ele vai até mesmo tentar matá-lo. Porém, não o tema. Ore ao Senhor pedindo-Lhe para lhe salvar pelo sangue de Jesus, bem como para repreender o Diabo. Ore mais ou menos assim: “Jesus, cobre-me com o teu sangue! Perdoa os meus pecados mediante o teu sacrifício! Salva a minha alma, Senhor! Escreve o meu nome no Livro da Vida!”. Você mesmo deve dizer a Satã e a todos os demônios: “Eu os repreendo em nome de Jesus. Saiam demônios em nome de Jesus”. Peça a Deus para lhe conduzir a uma igreja realmente de Deus, bem como para livrá-lo das “igrejas” que se intitulam evangélicas, mas que também estão a serviço do Diabo. Algumas das igrejas que muitos pensam ser evangélicas, como por exemplo, a Igreja Adventista do Sétimo Dia, a Igreja Mórmon, a Igreja Messiânica Mundial, Testemunhas-de-Jeová, Creciendo en Gracia, Tabernáculo da Fé e tantas outras, nada mais são que arapucas de Satã, tal qual o Espiritismo, o Catolicismo e muitos outros ismos.
Talvez não tenhamos a felicidade de nos conhecermos aqui na Terra, mas se permanecermos em Cristo até o fim, nós nos encontraremos no Céu. Até lá, na Paz do Senhor Jesus Cristo.
Pr. Joel Santana.

0 comentários: