sábado, 9 de outubro de 2010

Quem são as Testemunhas de Jeová?

O Corpo Governante responde...

Com certeza dentre os milhares de grupo religiosos existentes, poucos conseguem ter o poder de manipular, montar, distorcer e forjar sofismas como a Sociedade Torre de vigia. Digo isso, pois tenho em mãos uma revista Despertai “fresquinha” de agosto de 2010, “esquecida” por alguma Testemunha de Jeová em uma sala na empresa em que trabalho. Com titulo bem curioso: “Quem são as testemunhas de Jeová?”. Em toda revista é feito uma apologia da torre de vigia para justificar as diversas criticas feitas por lideres religiosos em todo mundo, que inclusive à muito tempo, já desmascarou as diversas falsas profecias e hermenêutica duvidosa da Watchtower.

Além das tradicionais criticas acidas às demais religiões da “cristandade”, Judeus, Budistas e outros religiosos em geral, apresentam varias pessoas em todo mundo que testemunham que as testemunhas de Jeová são exemplos de pessoas honestas, trabalhadoras, bons pagadores de impostos, ótimos pais e educadores, são contra os vícios, organizadas em seus congressos, auxiliam pessoas de todos os tipos a vencerem seus traumas e medos através de orientações relacionados à saúde, cuidados físicos, etc.

Diante do texto da revista, quero refletir em alguns fatos que me chamaram a atenção:

1. Na pagina três da referida revista dizem que as pessoas que as criticam espalham “boatos tendenciosos” e citam Provérbios 14.15 na versão The New English Bible: “Um homem simples acredita em cada palavra que ouve; um homem inteligente entende a necessidade de ter provas”. Baseado nessa passagem pergunto: A Watchtower apresenta provas reais da maioria de suas afirmações? Por que a maioria das citações não tem referencias das declarações daquelas pessoas ou existência de determinados documentos? Por que diversas citações que foram examinadas já foram comprovadas como distorcidas ou arrancadas do contexto? Por que vários sites e livros apresentam varias afirmações das literaturas das Testemunhas de Jeová e até hoje elas não vieram a publico confessar os erros do corpo governante ou explicar onde esta o erro nestes “boatos tendenciosos”?

2. Nas paginas 6 e 7 vem uma seção de perguntas e respostas sobre a sociedade torre de vigia. Uma das perguntas foi: “As testemunhas de Jeová são protestantes, fundamentalistas ou uma seita?”, depois de afirmarem que são cristãs, condenam católicos, evangélicos e fundamentalistas por crerem na existência do inferno e imortalidade da alma, dizem: “Uma seita é um grupo divergente dentro de uma comunidade religiosa ou que se separa dela, formando outra religião. As testemunhas de Jeová não se separaram de nenhuma igreja. Não são uma seita”. Interessante como conceito de “seita” mudou, a tempos atrás era: "As crenças das Testemunhas de Jeová, baseadas inteiramente na Bíblia, impedem que se tornem uma seita ou um culto" Despertai! de 8 de outubro de 1997, página 10

“São as Testemunhas de Jeová uma seita? Os membros de seitas com freqüência se isolam da família, dos amigos e até da sociedade em geral. Dá-se isso com as Testemunhas de Jeová?”
- A Sentinela de 15 de fevereiro de 1994

Sem querer ser prolixo, repetindo o que outros já disseram ou escreveram, as próprias citações da Torre de Vigia coloca essas afirmações em xeque:

Será que elas se isolam da família e dos amigos?

“Ainda há aqueles que pensam que podem permitir a si mesmos buscar associação com amigos ou familiares mundanos para entretenimento” (A Sentinela 15 de fevereiro de 1960 – em inglês)

Será que elas se isolam da sociedade?

“Não deve haver nenhuma parceria, nenhuma associação, nenhuma parte, nenhuma partilha com incrédulos. Por outras palavras, nenhuma associação com eles...” (ibdem)

Será que se isolam daqueles que não concordam com seu ponto de vista?

“Não queremos confraternizar com pecadores deliberados, porque não temos nada em comum com eles.” (A Sentinela 15 de Março de 1996)

São de cunho radical? As TJ’s odeiam aqueles que têm pontos de vista diferente e se apartaram da Organização? Como elas os tratam?

“nunca os receba em seu lar nem os cumprimente... Estas são palavras enfáticas, orientações claras.” (A Sentinela 15 de Março de 1986 pág.13)

Quanto a se basearem na bíblia, será que as atitudes acima são baseadas na bíblia?

“A ninguém devais coisa alguma, senão o amor recíproco; pois quem ama ao próximo tem cumprido a lei.” – Rm 13.8
“Pois, se alguém pensa ser alguma coisa, não sendo nada, engana-se a si mesmo.” – Gl 6.3

Quanto à definição atual: “...não se separaram de uma igreja” é uma piada, pois eles saíram dos “Estudantes da Bíblia” (quem inclusive ensinam muita coisa diferente delas hoje) e as testemunhas de Jeová hoje ensinam muitas coisas diferentes do que Charles Taze Russell ensinava.

3. Por fim, nas paginas 8 e 9, na seção: “em que crêem as testemunhas de Jeová?” no tópico “Profecias Bíblicas” dizem: “Deus...não pode mentir (Tito 1:2) De fato, o que ele prediz sempre se cumpre, incluindo as profecias bíblicas sobre o fim do mundo atual (Isaias 55:11; Mateus 24.3-14) ...”

Concordo 100% com essa definição, pena que não é possível dizer a mesma coisa do Corpo Governante (líderes da STV) que marcou várias datas para o fim do mundo: 1914, 1918, 1925, 1975, 2001... E só Jeová sabe quando vai parar...

2 comentários:

Bernardo disse...

para as pessoas que gostam de curiosidades: http://nossomundoincrivel.blogspot.com/

Paulo Cesar disse...

Irmão Gerson, venho parabenizá-lo por seu trabalho sério e seu empenho em desmascarar estes enganadores chamados Testemunhas de Jeová. Eles são enganadores da pior espécie pois citam textos bíblicos manipulados de acordo com suas mentiras e distorções, com isso arrebatam muitas pessoas piedosas e desejosas de servir a Deus com coração sincero. É uma pena que no meio cristão existam poucas pessoas que tenham a preocupação de estudar e desmascarar esta seita do inferno a fim de mostrar a verdade para os que estão enganados por estes mentirosos.